terça-feira, 27 de dezembro de 2011

Ser mestre em Ciência Política...

Que tal encarar esse como um dos projetos de ano novo? Para quem se interessou, recomendamos a leitura do edital do primeiro processo seletivo para o Mestrado em Ciências Política da UFG, que oferece 12 vagas, nas linhas: (1) Eleições, comportamento político e opinião pública; (2) Estado e instituições políticas; (3) Políticas públicas e sociedade civil; (4) América Latina e estudos comparados.
As inscrições serão realizadas entre os dias 13/02 e 02/03, porém, até lá há muito o que se fazer... Para descobrir os detalhes, clique aqui.

Boa preparação e excelente 2012!

segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

O direito ao delírio

Sete minutos e meio de poesia para quem, a despeito das hegemônicas perspectivas liberais de enquadramento, continua acreditando e participando da construção de um outro mundo possível...


Indicação: Ronaldo Alves
Servidor do Incra

terça-feira, 15 de novembro de 2011

Guardião da desigualdade

achei aqui
O Brasil é um país que possui uma população de 190 milhões de habitantes, de todas as cores, raças e etnias, mas é um país separado por classes, marcado por uma desigualdade social que é mantida por um Estado forte e implacável. Um país grande, geográfica e demograficamente, com vastas riquezas em matérias-primas, o Brasil poderia suprir uma população tão numerosa em termos de alimentação, vestuário e habitação, entre outras coisas. Mas isso não acontece por um simples motivo: a alta desigualdade social do país... (André Luiz - Ciências Sociais/UFG)

Para ler o texto na íntegra, clique aqui!

sexta-feira, 11 de novembro de 2011

Cinema e Direitos Humanos

Realizada em todas as brasileiras, chega a Goiânia entre 18 e 24 de novembro a 6ª Mostra de Cinema e Direitos Humanos na América do Sul. As exibições serão feitas no Centro Cultural Marieta Telles Machado, Cine Cultura, com entrada franca. Para nós do Centro-Oeste, imperdivel as seções da segunda-feira, 21/11: "Camponeses do Araguaia - Guerrilha vista por dentro" e "Araguaya - a conspiração do silêncio" dirigidos, respectivamente, por Vandré Fernandes e Ronaldo Duque.

Para ver a programação completa, clique aqui!

Convite: Walderes Brito
Doutorando em Sociologia, UFG.

segunda-feira, 31 de outubro de 2011

Pesquisas em andamento da FCS/UFG






"Quando o antropólogo aparece na foto"
"Autonomização e cibercultura"
"Campesinato e memória social"
"Identidades em performance"
"A Telogia da Libertação no Brasil"
"Xamanismo Krahô, o esquema cósmico circunspecto"
"Sexualidades: prazeres, poderes e redes sociais"

Ficou curioso/a? Então venha participar do II Seminário de Pesquisa da Faculdade de Ciências Sociais, que se realiza na quinta e sexta-feira, 3 e 4 de novembro. Para conhecer os detalhes da programação, leia o caderno de resumos dos mais de 80 trabalhos que serão apresentados, clicando aqui!

sábado, 15 de outubro de 2011

Uma crise, várias bocas

achei aqui
E a crise? Reverbera-se, espalha-se. As dores nas costas dos atingidos chegam às bocas, que na Espanha gritam em praças públicas “No somos mercancia em manos de políticos y banqueros”. Na confusão, as relações entre Estado e agentes econômicos voltam a ser fervorosamente questionadas, e nem mesmo o sistema político escapa...

Quer ler mais o texto de Ariel David Ferreira?
Clique aqui e confira!

quinta-feira, 15 de setembro de 2011

Mestrado e doutorado em Sociologia, UFG - 2012

Lançado o edital para seleção para o Programa de Pós-graduação em Sociologia da UFG, com disponibilidade de 20 vagas para mestrado e 12 para doutorado. Neste ano, pela primeira vez, a prova de inglês não será eliminatória: candidatos/as não aprovados nessa língua e aprovados nas demais etapas do processo terão um semestre para fazer nova prova de suficiência neste idioma. As inscrições serão realizadas no mês de outubro e as provas em novembro.
Confira os detalhes, clicando aqui!

terça-feira, 13 de setembro de 2011


O evento se realizará nas instalações da UFG no campus Samambaia. Haverá tradução consecutiva e as inscrições são gratuitas. Seria um imenso prazer encontrá-lo(a) lá.
Para conhecer a programação detalhada, clique aqui!

Indicação: Raimunda Velazquez
Mestranda em Sociologia, UFG

Direitos reprodutivos e aborto

Você já tem uma posição sobre o aborto? Essa sua posição está fundamentada em que informações e princípios? Uma boa oportunidade de ampliar as informações a respeito deste tema e conhecer ou reforçar os argumentos na perspectiva feminista é o "III Seminário das margens aos centros", realizado nos dias 27 e 28 de setembro, no Auditório da Faculdade de Enfermagem. O lema do evento já dá uma pista do que vai ser discutido: "Educação sexual para prevenir, contraceptivo para não engravidar, aborto legal e seguro para não morrer".

Para mais informações, clique aqui!

Indicação: Fátima Freitas
Mestranda em Antropologia Social, UFG

terça-feira, 30 de agosto de 2011

As cores das flores

Como um menino cego escreverá uma redação sobre as cores das flores?



Indicação: Sofia Franco
Cineasta

domingo, 28 de agosto de 2011

Seleção de bolsista

achei aqui
Neste dia 29/08, inicia-se o período de inscrição para seleção de 11 bolsistas de várias áreas, inclusive Ciências Sociais, para atuar como bolsistas em um projeto de pesquisa da área de Nutrição. Confira o edital completo, clicando aqui!

Indicação: Izabela Tamazo
Professora da FCS/UFG

domingo, 21 de agosto de 2011

Conferências das Mulheres

achei aqui
Nos dias 12 a 14/12/2011 acontecerá a 3ª Conferência Nacional de Políticas Públicas para as Mulheres e, como parte do processo, neste mês de agsto estão acontecendo as conferências regionais e municipais em todo o país. Confira a agenda goiana:
11/08 – Silvânia - Conferência Regional
12/08 – Morrinhos - Conferência Regional
16/08 – Iaciara - Conferência Regional
17 a 19/08 – Senador Canedo - Conferência Municipal
18/08 – São Luiz dos Montes Belos - Conferência Regional
18/08 – Nova Veneza - Conferência Regional
19/08 – Ceres - Conferência Regional
23/08 – Cavalcante - Conferência Regional
14/08 – Cidade Ocidental - Conferência Regional
23/08 – Anápolis - Conferência Regional
25/08 – Santa Helena de Goiás – Conferência Municipal
25/08 – Planaltina - Conferência Regional
25 a 26/08 – Santo Antônio do Descoberto - Conferência Municipal
26/08 – Jaraguá - Conferência Regional
26/08 – Val Paraíso - Conferência Municipal
26 a 27/08 – Goiânia - Conferência Municipal
27/08 – São Miguel do Araguaia – Conferência Municipal
30/08 – Cidade de Goiás - Conferência Regional
30/08 – Aparecida de Goiânia - Conferência Municipal
30/08 – Mineiros - Conferência Regional
31/08 – Itapuranga - Conferência Municipal

A Conferência do Estado de Goiás , segundo a SEMIRA, se realiza nos dias 14 e 15 de outubro no Centro Cultural Oscar Niemeyer. Confira vídeos, documentos e outras informações no portão da conferência, clicando aqui!

Informação: Walderes Brito
Doutorando em Sociologia, UFG

Uma perspectiva sociológica sobre revoltas juvenis

Um ponto de vista original é o mínimo que se espera de um/a cientista social, nas análises que propõe a respeito dos eventos sociais. No vídeo abaixo, há um bom exemplo dado pelo sociólogo Silvio Caccia Bava, escapando do enviesamento do governo e da mídia a respeito dos recentes confrontos de jovens ingleses com a polícia britânica. Confira!



Indicação: Edna Nascimento
Mestre em Ciência Política pela UFPE

terça-feira, 9 de agosto de 2011

domingo, 7 de agosto de 2011

domingo, 31 de julho de 2011

Com o mundo bem à mão

Você sabe qual a população urbana do Afeganistão?
A renda per capita da Arménia?
A expectativa de vida ao nascer em Burkina Faso?
As calorias diárias consumidos no Camboja?
Os gastos públicos com educação na Eritréia?
Os usuários com acesso a Internet em Lesoto?
O percentual de áreas cultivadas na Mongólia?
A taxa de mortalidade materna no Sri Lanka?


achei aqui
Essas e um milhão de outras perguntas e respostas sobre diversos países do mundo podem ser formuladas e respondidas em um mapa interativo organizado pelo IBGE.

Clique aqui e veja como funciona: ótimo para pesquisas e instingante até como um game.


Indicação: Michele Franco e Walderes Brito
Doutorandos em Sociologia, UFG.

quinta-feira, 28 de julho de 2011

segunda-feira, 25 de julho de 2011

O jardineiro e o pirata

Além de muito bacana, este vídeo em um que de especial, pelo fato de ter sido editado pela Sofia Franco, filha da nossa colega Michele Franco, aluna do doutorado da FCS/UFG. Aprecie esse jeito sensível de contar uma boa história e pense nas muitas histórias que você também poderia compartilhar...



Indicação: Walderes Brito
Doutorando em Sociologia, UFG.

quinta-feira, 21 de julho de 2011

quarta-feira, 20 de julho de 2011

terça-feira, 19 de julho de 2011

segunda-feira, 18 de julho de 2011

segunda-feira, 11 de julho de 2011

Tudo junto e misturado

Geralmente cada área do conhecimento realiza os seus eventos separadamente, mas a Reunião da Sociedade Brasileira para o Programa da Ciência, SBPC, é diferente: todas as áreas apresentam um pouco do conhecimento que estão produzindo. Durante esta semana, os auditórios, salas e até corredores da UFG estão cheios de gente apresentando seus trabalhos, trocando informações e também apresentando suas reivindicações e demandas políticas. É assim, por exemplo, a sala 129 da Emac, Escola de Música e Artes Cênicas, onde está instalada a Tenda da "UFG sem Homofobia". Vale muito a pena passar na Tenda e na SBPC como um todo.






Fotos: Walderes Brito

e-book de ciência política

Tornado público através de um lançamento eletrônico realizado no dia 1º de julho, este livro eletrônico apresenta os principais resultados da primeira fase da pesquisa “O Desempenho do Congresso Nacional no Contexto do Presidencialismo de Coalizão”, realizada por pesquisadores do Núcleo de Pesquisa de Políticas Públicas – NUPPs, da USP, entre agosto de 2009 e março de 2010, sob a coordenação do professor José Álvaro Moisés. Apoiado pela Fundação Konrad Adenauer, o projeto envolveu o trabalho de quatro pesquisadores sênior e seis assistentes (entre estudantes de graduação e de pós-graduação do Departamento de Ciência Política) em torno da atuação de deputados e senadores brasileiros durante as legislaturas de 1995/1998, 1999/2002 e 2003/2006.

Clique abaixo para:
Fazer download da obra


Indicação: Heloisa Bezerra Dias

quarta-feira, 22 de junho de 2011

A meio caminho II

O bom mesmo é estar presente e ouvir das pesquisadoras e dos pesquisadores os resultados, mesmo que parciais, das suas pesquisas em andamento. Mas somente a lista de temas já é suficiente para encher nossas cabeças de idéias e as nossas fantasias de possibilidades... Veja abaixo, por exemplo, os títulos das pesquisas de Mestrado em Antropologia Social da UFG que estão em vésperas de qualificação e, claro, se possível, não resista à tentação e compareça ao evento do seu interesse.

Convite: Maria Luiza Rodrigues
Vice-coordenadora da Faculdade de Ciências Sociais da UFG

Qualificações do Programa de Antropologia Social, UFG 


achei aqui
27/06/2011, 14h00, Museu Antropológico
Olívia Bini Pereira Rosa
O RELÓGIO DE LÉVI-STRAUSS: SOBRE O ESTATUTO DA MATERIALIDADE PERENE NA COSMOLOGIA NAMBIQUARA

27/06/2011, 14h30, no Mini Auditório da FCS
Cláudia Vicentini
POLICIAIS MILITARES E NARRATIVAS DE ADOECIMENTO MENTAL: CORPO, EXPERIÊNCIA E INTERSUBJETIVIDADE NA ORDEM MILITAR

27/06/2011, 14h30, na sala CS-2 da FCS
Igor Cirilo Faria Almeida
GRUPOS DE “PROTETORAS/ES” E “DEFENSORAS/ES” DE ANIMAIS - ESTUDO DE IDEIAS E PRÁTICAS URBANAS CONTEMPORÂNEAS A PARTIR DOS AGRUPAMENTOS EM GOIÂNIA

28/06/2011, 14h30, Mini Auditório da FCS
Márcia Pimenta Faria
REPRESENTAÇÕES DE CORPO E CONSTRUÇÃO DO GÊNERO FEMININO NA VELHICE

29/06/2011, 14h00, CS-1 da FCS
José Estevão Rocha Arantes
A LICENCIATURA INTERCULTURAL NA UFG: APROXIMAÇÕES E REFLEXÕES ETNOGRÁFICAS SOBRE O ENCONTRO

29/06/2011, 15h00, na sala CS-2 da FCS
Fátima Regina Almeida de Freitas
BONDAGE, DOMINAÇÃO/SUBMISSÃO E SADOMASOQUISMO: UMA ETNOGRAFIA SOBRE PRÁTICAS ERÓTICAS QUE ENVOLVEM PRAZER E PODER EM CONTEXTOS CONSENSUAIS

30/06/2011, 14h30, Mini Auditório da FCS
Marcelo Perilo
ELES BOTAM O BLOCO NA RUA! UMA ETNOGRAFIA SOBRE SOCIABILIDADES JUVENIS

30/06/2011
Ariel Nunes, 14h30, Mini Auditório, FCS
NOVOS PARADIGMAS DAS POLÍTICAS PÚBLICAS CULTURAIS: OS PONTOS DE CULTURA

01/07/2011, 10h00, sala CS-1, FCS 
Reigler Siqueira Pedroza
FOLIA DE REIS DE SÃO SEBASTIÃO: ASPECTOS SIMBÓLICOS DE UM RITUAL/PERFORMANCE CORPORAL NA COMUNIDADE QUILOMBOLA MAGALHÃES

domingo, 19 de junho de 2011

A meio caminho I

Realizada geralmente a 6 meses do prazo regulamentar para a defesa, que é de 24 meses para o mestrado, o exame de qualificação é um momento importante da pesquisa acadêmica porque é praticamente o primeiro momento formal de defesa pública do caminho que o/a pesquisador/a está trilhando. Normalmente o exame acontece com debates bem consistentes e é uma boa oportunidade para quem quer conhecer a dinâmica da pós-graduação.

Quer acompanhar os próximos exames da Pós-graduação em Sociologia?


achei aqui
20/06/2011, 9h, na FCS
Luciana Vieira Magalhães
A OFERTA DE TRABALHO NA CIDADE DE GOIANIA PARA PESSOAS COM DEFICIENCIA: ANALISE A LUZ DA INCLUSAO

20/06/2011, 14h, na FCS
Flávio Pereira Diniz
EXTENSÃO UNIVESITÁRIA E DESENVOLVIMENTO DE POLÍTICAS PÚBLICAS SOCIAIS

28/06/2011, 09h, na FCS
Joice Duarte Batista
A VIOLÊNCIA DE ALUNOS CONTRA PROFESSORES: A REPRESENTAÇÃO DO ALUNO AGRESSOR

28/06/2011, 14h
Alexandre Vinícius Malmann Medeiros
O FENÔMENO BULLYING: (IN)DEFINIÇÕES DO TERMO E SUAS POSSIBILIDADES.

sábado, 18 de junho de 2011

Batendo um bolão

achei a foto dela aqui e a dele

Toninho Cerezo escreveu um depoimento para a filha transexual Lea T. publicado na revista "Lola". Na carta, o ex-jogador diz ter notado desde a infância a "clara ausência de predileção por brincadeiras mascuinas" do filho e elogia a bravura de Lea. Teve coragem de, elegantemente, tentar quebrar paradigmas e mostrar ao mundo que devemos aceitar, sim, as diferenças, ser tolerantes com a diversidade, entender e não julgar aquilo que não conhecemos".

Clique aqui e leia a carta na íntegra!

Indicação: Michele Franco
Doutoranda em Sociologia

Um pouco de vitamina 'E' de entusiasmo

Eduardo Galeano, jornalista uruguaio e um grandes expoentes da literatura latinoamericana faz, no vídeo abaixo, um depoimento que impressiona pela maturidade, lucidez e espontaneidade. Um presente para pessoas que acreditam que um outro mundo é possível.



Indicação: Marcelo Perilo
Mestrando em Antropologia Social, UFG.

terça-feira, 14 de junho de 2011

Aquecendo os tambores

Acesso à expressões culturais variadas está entre as expectativas que alunos/as têm quando passam a fazer parte da comunidade da UFG e o projeto "Música no Campus" é um dos canais, criado recentemente, para atender esse desejo. A próxima edição do evento, dia 21/06, traz para o palco do Centro de Convenções da UFG o Grupo Mawaca. Abaixo, um clipe do grupo para ir entrando no clima.

domingo, 12 de junho de 2011

Conhecendo a própria casa

achei aqui
Professoras e professores que trabalham com calouros do curso de Ciências Sociais da UFG em 2011 criaram várias oportunidades para que os/as alunos/as conhecessem as áreas de interesse e os projetos de pesquisa em andamento na FCS/UFG. No caso da disciplina Ciência Política I, ministrada pela professora Heloisa Dias, a estratégia foi organizar um conjunto de palestras para o encerramento da disciplina.

Para conhecer os detalhes desta programação, observe a agenda no final do blog ou clique aqui e veja a programação na íntegra.

Chamada de trabalhos

A revista Sociedade e Cultura, da Faculdade de Ciências Sociais da UFG, terá um número especial organizado pela professora Heloisa Dias (UFG), juntamente com os professores Vladimyr Lombardo Jorge (UFRRJ) e Sérgio Soares Braga (UFPR), a respeito dos temas "Ciberdemocracia, ciberativismo e cibercultura". Os artigos devem ser submetidos até o dia 30 de novembro de 2011 e esta edição da revista será publicada no primeiro semestre de 2012.

Clique aqui e veja a chamada completa.

quinta-feira, 9 de junho de 2011

Diálogos entre graduação e pós-graduação


Quatro seções com mais de 100 comunicações e mais de 900 páginas de trabalhos acadêmicos reunidos nos anais do evento dão a idéia do sucesso do I Seminário de Pesquisa da Faculdade de Ciências Sociais, realizado em 2010. Em novembro próximo (dias 3 e 4), acontecerá o II Seminário, reunindo comunicações de alunos/as da graduação que estão em processo de elaboração de Trabalhos de Conclusão de Curso (TCC) e das pós-graduações em Antropologia (mestrado) e Sociologia (mestrado e doutorado), da FCS/UFG. Toda a comunidade pode participar do II Seminário, conforme orientações do site oficial do evento. Reserve já a data na sua agenda!

Recomendação: Walderes Brito
Doutorando em Sociologia

segunda-feira, 6 de junho de 2011

Mais perto de nós do que imaginamos


Certamente você sabe que há trabalho escravo no Brasil, mas sabe como ele está configurado? Li duas matérias interessantes sobre o tema, que apesentam novas percepções dessa condição de trabalho e também o que o Ministério Público do Trabalho está fazendo a respeito. Espero que essas informações agucem o nosso brio [estudantes de Ciências Sociais], no sentido de refletir sobre essa arcaica e vergonhosa relação laboral, ainda presente em nossa sociedade.

Clique abaixo e leia as matérias na íntegra:
Será que você colabora com o trabalho escravo?
Mais de 20 mil vítimas no Brasil

Indicação: Astrolange Oliveira
Aluna da turma 2011 de Ciências Sociais, UFG.

quinta-feira, 2 de junho de 2011

Café, direitos sexuais, políticas públicas e outras coisas mais

Foto: Deyvid Morais
Com participação de alunas/os e professores da UFG, principalmente do curso de Ciências Socias, o segundo evento do projeto "Café com Políticas Públicas" realizou um debate instigante a respeito do tema "Gênero e diversidade sexual", com a participação do ativista LGBT Léo Mendes, do professor da FCS/UFG, Camilo de Braz, de Ana Rita Marcelo de Castro, presidente do Conselho Estadual da Mulher de Goiás, e Darlygton de Oliveira Barros, gerente de Políticas da Diversidade Sexual, sendo os dois últimos órgãos integrantes da Semira (Secretaria de Políticas para Mulheres e Promoção da Igualdade Racial).

O evento contou com documentação fotográfica de Deyvid Morais e foi aberto com um pronunciamento de Markus Vinícius, alunos da turma 2011 do curso de Ciências Sociais - Políticas Públicas, da UFG.

segunda-feira, 30 de maio de 2011

Sobre mudanças e permanências

achei aqui
Por que é tão difícil mudar conceitos e idéias estabelecidas em nossas mentes e vidas? A própria palavra mudança significa uma alteração de estado, modelo ou situação anterior, para um estado, modelo ou mudança significa uma alteração de estado, modelo ou situação anterior, para um estado, modelo ou situações futuros, por razões inesperadas e incontroláveis, ou por razões planejadas e premeditadas...

Quer continuar lendo o texto de André Luiz Neiva Araújo, alunos da turma 2011 de Ciências Sociais/ UFG? Clique aqui e acesse o texto na íntegra.

De cara nova

Perceberam os novos ares do Ateliê? Um mês e meio de existência, mais de 1.500 acessos e participação de uma dezena de alunas/os e professoras com postagens e comentários, o nosso blog ganhou um presente especial: a programação visual do topo, criada pelo designer gráfico, mestre em Cultura Visual e professor da FAV/UFG, Wolney Fernandes, que vive prestando atenção e criando texturas variadas por aí. Então, muita beleza e vida longa ao Ateliê!

sábado, 28 de maio de 2011

Protagonismo

Antes e acima das frequentemente destacadas dificuldades dos/as alunos/as calouros, estão as habilidades e competências deste grupo, responsável por iniciativas como o projeto Café com Políticas Públicas, criado e articulado por alunos da turma 2011 de Ciências Sociais - Políticas Publicas, da UFG, já no primeiro semestre do curso. Para conhecer a qualidade do projeto, campareça ao auditorio da FCS/UFG na data e horário divulgados abaixo.

quinta-feira, 26 de maio de 2011

Progresso ou retrocesso?


achei aqui
Aprovado recentemente na Câmara dos Deputados, para alegria da bancada ruralista, o novo Código Florestal Brasileiro segue para apreciação do Senado e depois para a sanção da presidenta que já demonstrou pouca disposição de entrar para a história como a padroeira do desmatamento e dos crimes ambientais. Para entender um pouco mais do assunto, leia um artigo elaborado pela bióloga Denise Castro que está fazendo sua segunda graduação no curso de Ciências Sociais da UFG.

terça-feira, 24 de maio de 2011

Código florestal

Uma das vantagens mais significativas das novas tecnologias em relação às mídias tradicionais é a possibilidade do rompimento com a comunicação de mão única, pelo advento de uma rede desprovida de um único centro. Hoje é muito mais simples a articulação rápida de pessoas que estão fisicamente distantes, porém, próximas quanto à preocupação a respeito de um determinado tema. Cada vez mais, os movimentos sociais têm ampliado a competência no uso dessa ferramenta a favor da mobilização das pessoas para se manifestarem políticamente a respeito de diversos temas.

Hoje, 25 de maio de 2011, é dia das pessoas que estão preocupadas com o tom "agrobusiness" do Código Florestal Brasileiro se manifestarem com um "clique", antes que a bancada ruralista encerre a conversa por nós, lá na Câmara dos Deputados. Então, clique aqui e mande o seu recado.

Estranhamentos e intimidades com a língua

achei aqui
Reportagem de Liliane Junger, veiculada no Jornal Nacional, anunciou o aumento da exigência de domínio da Língua Portuguesa nos vestibulares de algumas universisades, entre as quais, o da Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG. Essa decisão inclui também cursos das Ciências Exatas e está relacionada às recentes mudanças no cenário da educação superior no Brasil, como mostra outra reportagem, esta do jornalista Rodrigo Alvarez, veiculada no Jornal da Globo.

Sobre o assunto, Markus Vinícius, aluno da turma 2011 de Ciências Sociais da UFG, indica a aquisição da Minigramática de Domingos Paschoal Cegalla: "Lembrei desse livro a partir de uma fala da professora Heloisa Dias sobre as dificuldades dos alunos com relação à língua portuguesa nas atividades escritas. Existem inúmeras outras gramáticas, mas essa eu conheço e sei que atende às nossas necessidades imediatas".

Walderes Brito
Doutorando em Sociologia

Abordagens e Narrativas da Antropologia Brasileira

Este é o título do Seminário de Antropologia, cujas atividades principais se realizam nos dias 2 e 3 de junho próximos, pela Faculdade de Ciências Sociais, FCS, e pelo Programa de Pós-graduação em Antropologia Social da UFG. As atividades serão desenvolvidas no Museus Antropológico e na FCS da UFG, incluindo palestras, defesas de dissertação e uma conferência proferida pela Profa. Drª. Fernanda Arêas Peixoto (USP), intitulada "Roger Bastide e as cidades: dois ângulos e uma mesma perspectiva". Clique aqui para conhecer a programação detalhada e confirme a sua participação através do e-mail: posantropologiaufg@yahoo.com.br.

Convite: Drª Cintya Maria Costa Rodrigues
Professora do PPA/FCS/UFG e Coordenadora do Projeto

segunda-feira, 23 de maio de 2011

O analfabeto político


achei aqui






















O pior analfabeto, é o analfabeto político.
Ele não ouve, não fala, não participa dos acontecimentos políticos.
Ele não sabe que o custo de vida,
O preço do feijão, do peixe, da farinha
Do aluguel, do sapato e do remédio
Depende das decisões políticas.
O analfabeto político é tão burro que
Se orgulha e estufa o peito dizendo que odeia política.
Não sabe o imbecil,
Que da sua ignorância nasce a prostituta,
O menor abandonado,
O assaltante e o pior de todos os bandidos
Que é o político vigarista,
Pilanta, o corrupto e o espoliador
Das empresas nacionais e multinacionais.

Indicado por: Julliany Pinheiro
Aluna da turma 2011 de Ciências Sociais, UFG.

sábado, 21 de maio de 2011

Como devemos agir para aumentar o sucesso dos/as alunos/as de Ciências Sociais da UFG?

achei aqui
Drumond Caixêta Filho e Rafael de Morais deram o pontapé inicial, neste blog, emitindo uma opinião a respeito desta indagação; Paulo Vítor Gomes fez uma importante ponderação sobre o assunto, comentando o texto dos dois colegas; e agora é a vez de conhecer o que pensam sobre o tema Maiara Leal e Paulo Moreira.

Clique aqui para acessar o novo texto e dê também a sua opinião sobre o assunto, comentando aqui ou enviando o seu texto no endereço eletrônico do Ateliê de Ciência Social (ateliefcs.ufg@gmail.com).

Amanda Gurgel e a educação

quinta-feira, 19 de maio de 2011

Nova seção - agenda de monitoria

Logo abaixo das fotos de seguidores e seguidoras do Ateliê, a partir de hoje, publicaremos a agenda com dias e horários disponíveis para monitoria. Começaremos com os horários de Antropologia I. As conversas acontecerão na sala da professora Izabela Tamaso (sala 38) ou, se houver muita gente, em alguma sala da FCS/UFG que esteja disponível. Qualquer mudança nas datas e horários serão comunicadas aos alunos/as por e-mail. Apareçam para conversarmos sobre trabalho de campo, tirar dúvidas e tal.

Abraços,

Fátima Freitas
Mestranda em Antropologia/ UFG.

terça-feira, 17 de maio de 2011

Tensões e conexões entre política e moralidade

Norbert Bobbio
Você vota em quem tem capacidade de realização e comete "deslizes" quanto à moralidade pública ou em quem é ético e não consegue resolver os problemas práticos? Moral e política são campos distintos ou a lógica que rege um, rege igualmente o outro? Todo exercício de poder é um poder político ou o poder político é apenas uma entre distintas formas de poder? O queremos dizer exatamente quando falamos de poder paternalista, despótico e político?

Essas e muitas outras questões são tratadas no texto “Política e moral”, que é o capítulo 3 da obra "Teoria Geral da Política", de Norbert Bobbio, e aqui está um roteiro de apoio para a leitura ou para a construção de uma síntese do estudo deste texto.


 
Walderes Brito
Doutorando em Sociologia, UFG.

Um fragmento que me fez pensar

achei aqui
“Tanto aqui, como de resto em todas as coisas sobre as quais procuramos saber, encontra-se uma lógica parecida: quanto mais sabemos mais sabemos o quanto falta saber”.
(ROCHA, Everardo P. Guimarães. O que é etnocentrismo. São Paulo: Editora Brasiliense, 1994, p. 36).

Destacado por: Vera Lúcia Dias da Silva
Aluna da turma 2011, Ciências Sociais, UFG.

domingo, 15 de maio de 2011

Como devemos agir para aumentar o sucesso dos/as alunos/as de Ciências Sociais da UFG?

achei aqui
A resposta a pergunta acima, evidentemente, não é simples, e, por isso mesmo, tem mobilizado uma série de iniciativas de muitas pessoas e muitos grupos: professores/as, corpo administrativo e alunos/as da pós-graduação e, principalmente, da própria graduação, progressivamente têm se inquietado e compartilhado esforços tanto para entender propriamente o que está acontecendo, quando para apontar algumas possíveis saídas.

Numa das primeiras postagens deste blog, apresentamos alguns dados do perfil dos/as alunos aprovados em Ciências Sociais nos vestibulares de 2006 a 2009 da UFG, com um convite para tentar decifrar o enigma a respeito da dificuldade que alguns/as alunas/os têm e que se reflete, entre outros sintomas, em altos índices de reprovação e desistência, especialmente nos semestres iniciais.

Drumond Caixêta Júnior e Rafael de Morais Silva, alunos da turma 2011, apresentam aqui uma análise deste problema. E você: o que pensa sobre esta questão?

Walderes Brito
Doutorando em Sociologia/ UFG

Conteúdo e avaliação: quais as melhores formas?

achei aqui
A ementa da disciplina de um curso acadêmico estruturado é única e definida previamente durante a elaboração do projeto pedagógico do curso. A forma como essa ementa será materializada em um programa, porém, é um desafio que se renova a cada ano, cabendo aos professores e professoras, segundo as suas sensibilidades, escolhas, experiências e sei-lá-quê mais, escolherem um caminho a ser trilhado com alunas e alunos de cada nova turma. Não precisa nem dizer que a definição do programa é sempre uma aposta com algo de dramático, porque nunca se sabe qual será a acolhida e a resposta... Igualmente dramática é a decisão a respeito da forma através da qual os/as alunos/as serão avaliados/as.

Em 2011, a professora Eliane Gonçalves incluiu uma série de seminários no programa da disciplina Sociologia I, do Curso de Ciências Sociais da UFG, que responde de maneira interessante tanto ao dilema do programa quanto ao da avaliação. Os temas vão de gênero, a etnia, erotismo e juventude, entre outros, e pressupõem um diálogo crítico com a abordagem dos clássicos da Sociologia no tocante a noções discutidas no decorrer do curso. Os critérios de avaliação foram clara e antecipadamente apresentados aos grupos. Quer conferir? Dá uma olhadinha aqui!

Indicação: Walderes Brito
Doutorando em Sociologia, UFG

Um fragmento que me fez pensar

achei aqui
“O cúmulo da ingenuidade, por parte de benfeitores ou de representante governamental antropologicamente mal informados, é a suposição de que a simples introdução de um “útil” elemento novo em um grupo particular fará com que ele seja “adotado” nesse grupo. A alguns nunca ocorreu que talvez democracia, cristianismo e ética capitalista não sejam artigos de exportação. Mas, que ainda o fossem, tais idéias estão sujeitas a serem interpretadas de formas diferentes do que o são nos Estados Unidos”. (BOHANNAN, Laura. Shakespeare in the bush. In.: DUNDES, Alan (org.). Every man his way. Readings in Cultural Anthropology). Versão em português disponível aqui.

Indicado por: Natália Nunes Aguiar, aluna da turma 2011, do curso de Ciências Sociais, UFG.

sexta-feira, 13 de maio de 2011

2011 - Ano Internacional dos Afrodescendentes

Sabia que no dia 10 de dezembro de 2010, foi iniciado o Ano Internacional dos Afrodescendentes? A decisão foi tomada pela ONU, como um convite para refletir sobre a história e sobre a condição dos cerca de 200 milhões de afrodescentes que integram o povo do continente americano, 150 milhões dos quais povoam a América Latina.

Para conhecer mais a campanha, acesse a versão em português do Centro de Informação das Nações Unidas, ou a versão em espanhol da página oficial do evento.

Dia de combate à homofobia




































Para mais informações, clique aqui!

quarta-feira, 11 de maio de 2011

Um fragmento que me fez pensar

“É fato social toda maneira de fazer, fixada ou não, suscetível de exercer sobre o indivíduo uma coerção exterior, ou ainda, toda maneira de fazer que é geral na extensão de uma sociedade dada e, ao mesmo tempo, possui uma existência própria, independente de suas manifestações individuais”. (DURKHEIM, Émile. O que é um fato social? In: ___. As regras do método sociológico. São Paulo: Martins Fontes, 1995).

Destacado por: Ana Carolina, aluna da turma 2011, do curso de Ciências Sociais, UFG.

Por onde começar o estudo da Sociologia?

achei aqui
O advento da ciência moderna; a herança iluminista; o positivismo; os processos sociais básicos (ação social, relação social, interação social e institucionalização); a relação indivíduo e sociedade: a dicotomia comunidade/sociedade...

Estes são alguns dos pontos de compõem o programa da disciplina Sociologia I, do curso de Ciências Sociais da UFG, desenvolvido em 2011 pela professora Dra. Eliane Gonçalves. Conheça a versão atualizada do programa, clicando aqui!

terça-feira, 10 de maio de 2011

Um dia de seminários e lançamento de livro


Dia 11 de maio de 2011
09h00 - Casa da Juventude Pe. Burnier
19h00 - Miniauditório Luiz Palacin, FCS, UFG

Para maiores informações, clique aqui!

Onde é confiável pesquisar?

achei aqui
Quando a gente tem uma proposta de trabalho de campo, como nesses dias é o caso d@ alun@ de Antropologia I, do curso de Ciências Sociais, UFG, é necessário buscar outros textos (bibliografia) para dialogar com as observações/conversas que fazemos sobre o tema com os professores, colegas e até com os nossos próprios botões.

Para quem vive este momento, segue abaixo links de várias revistas de Antropologia que podem ajudá-l@s. Geralmente nessas revistas é possível fazer uma busca por assunto. Naveguem e se divirtam!

Indicação: Fátima Freitas
Mestranda em Antropologia Social, UFG

 Cadernos de Campo (USP)
Virtual Brazilian Anthropology